Melhore o Mobile Commerce do seu negócio!

Em tempos onde as pessoas ficam mais dentro de casa, é necessário otimizar o seu negócio para vendas que cada vez menos necessitam de contato humano. Por mais que os espaços físicos das lojas não estejam indo a lugar nenhum (pelo menos por enquanto), os e-commerces tomaram conta do mercado desde o início da pandemia, com crescimento de 47% em 2020 — a maior porcentagem em 20 anos, além disso, dentro deste número, 58% dos consumidores se intitulam heavy users de e-commerce, ou seja, fazem mais de quatro compras online a cada semestre e esse cenário tende a crescer com o tempo. Com isso em mente, agora é o momento de potencializar o e-commerce da sua marca e começar a investir no chamado m-commerce, o mobile commerce.

O que é mobile commerce?

Assim como o e-commerce, o m-commerce é uma modalidade de negócio digital caracterizada pela venda por dispositivos móveis, focando na criação de sites e apps que influenciem o consumidor a finalizar a sua compra por meio de um smartphone ou tablet. Assim como os demais negócios digitais, as transações por meio do m-commerce se dão por aplicativos e sites próprios, além de marketplaces que reúnem vários vendedores em um mesmo lugar (como a amazon, americanas, dafiti e, recentemente, o instagram). As transações online se consolidaram como um dos maiores e mais rentáveis negócios do mundo, movendo desde os pequenos comerciantes e economias locais até as grandes multinacionais internacionais. Isso é válido para o setor de delivery de comidas, de transporte, de moda ou beleza. Desde o início da pandemia do Covid-19, apenas no Brasil, 72% da população fez compras por aplicativos, com vendas que chegaram a 38,8 bilhões apenas no primeiro semestre de 2020.

Qual a sua importância?

Com a facilidade da compra a apenas um clique, os m-commerces conquistam os consumidores pela conveniência, preços acessíveis, segurança e leveza na hora de escolher onde e o que comprar. Além disso, a modalidade de compras vem sofrendo uma mudança brusca de comportamento desde 2020, com crescimento de 40% de adeptos ao e-commerce no Brasil, totalizando 41 milhões de pessoas, sendo um número que tende a crescer mais a cada dia. Devido as mudanças do comércio físico, que forçou o consumidor a comprar mais de dentro de casa, os usuários aproveitaram da oportunidade para estreitarem suas compras realizadas online, desfrutando de suas facilidades. Essa é a chance de fidelizar ainda mais o cliente com a criação de um relacionamento forte, integrado, personalizado e democrático entre ele e a sua empresa através do seu m-commerce, investindo na criação de um site incrível ou de um app diferente!

Por que devo investir?

  • Conveniência para o consumidor;

Devido a indicação de várias fontes, o m-commerce é uma tendência de mercado que deve ficar cada vez maior e mais relevante. Por isso, não seja tímido em investir em um negócio que com certeza será rentável para a sua empresa, seja criando relevância financeira, social ou ajudando a firmar o seu negócio como um marco competitivo do mercado.

#design #tecnologia #comunicação

#design #tecnologia #comunicação